ser de luz

Nexo, Plexo, Sexo…

Postado em Atualizado em

Todo mundo precisa de um coach. Mesmo que eu estude e aplique sempre as técnica de self coach, auto-hipnose, PNL ou qualquer outra técnica que eu domine, o fato é que, vez por outra, precisaremos de ajuda externa.

Há exatos 30 dias minha vida começou a virar 180 graus. Praticamente todos os dias com situações complexas para resolver, tendo que enfrentar meus medos, ansiedades, com surpresas não agradáveis e desafios gigantescos. Praticamente lutar com uma Hydra de 7 cabeças todos os dias deste último mês! Quando eu finalmente arrancava-lhe um cabeça, nasciam 2 no lugar.

Não há emocional, PNL, hipnose ou espiritualidade que segure… é normal fraquejar.

Aliás, você sabia que um dos fortes indícios de um psicopata é não se abalar com a dor, não mudar sua forma de agir ou pensar, mesmo sob pressão? Graças a Deus sou normal!!!!

Sofro, choro, tenho medo e penso em desistir…

Neste momento a gente precisa de colo.

Por mais que nos façamos de fortes e invencíveis. Não dá para usar a roupa de super herói o tempo todo. Ela fica incomodando e é necessário colocá-la de lado.

Ok, mas e aí? Cadê o colo? Até porque enquanto eu penso em ter colo, tem mais fogo para apagar… a energia tá pequena!

Mas aí surge Deus… Ele sempre coloca pessoas certas no exato momento e lugar que estão sendo esperadas!

Um ser de luz sentiu minha angústia e me enviou uma mensagem num momento bem significativo. Era o colo, mesmo virtual, que veio dar consolo e força para eu continuar.

Entre um ponte e outra, analisei que minha vida está contrária ao que eu vivia há apenas um mês. Fui assaltada em casa, me mudei, perdi emprego, minha filha voltou a ter crises de depressão (até por conta da invasão lá de casa), mudei de planos, de novo, novamente e resolvi 300 problemas que foram acontecendo… e aí???

Ele me lembrou que de tempos em tempos nossa vida faz essas conversões loucas mesmo.

Usando a metáfora da arrumação de armários; para arrumar, precisamos tirar tudo de dentro, fazer uma completa bagunça para rearrumar, jogando inclusive o que não mais nos serve fora.

Então a ponte… o caminho para se chegar do outro lado…

Qual é a forma que eu tenho de me energizar? O que me faz mais falta? E por que tanta mudança?

Daí que ele me responde:

“Na cultura helenica, grega, aprendi que a vida, de tempos em tempos, tem mesmo que ser reorganizada, há ciclos que se exaurem. E o tripe fundamental, vc pode achar graça, envolve Nexo, Plexo e Sexo*.”

hummmmmm… Eureca! Pode fazer todo sentido…

Analisemos:

nexo/cs/

substantivo masculino

  1. junção entre duas ou mais coisas; ligação, vínculo, união.
  2. ligação entre situações, acontecimentos ou ideias; coerência.

plexo/cs/

substantivo masculino

  1. ANATOMIA GERAL rede ou interconexão de nervos, vasos sanguíneos ou linfáticos.

sexo/cs/

substantivo masculino

  1. conformação física, orgânica, celular, particular que permite distinguir o homem e a mulher, atribuindo-lhes um papel específico na reprodução.
  2. nos animais, conjunto das características corporais que diferenciam, numa espécie, os machos e as fêmeas e que lhes permitem reproduzir-se.
  3. Relação Sexual, coito, cópola.

OU seja: PENSAR, SENTIR e AGIR

Tudo o que penso, sinto ou faço talvez precise se reorganizar, tomar novos processos lógicos.

Se minha vida virou de pernas para o ar, quiçá esse não seja o lado correto!

Ou então, analisando outro sentido…

Nexo, Plexo, Sexo é o título da Magnum Opus de Henry Miller, um escritor americano com estilo de Nelson Rodrigues. Só escreve putaria rsrsrs

Talvez seja isso, falta de nexo, de plexo e de sexo… Ação e reação de uma vida que anda bem cheia de falta de emoção… Falta pimenta, merengue, tempero…

O sexo como agente transformador, a necessidade de me reproduzir em ardor, torpor e amor… A necessidade de me reapaixonar por algo ou por alguém.

A necessidade gera o inconformismo, o inconformismo leva a busca e a busca ao encontro, ou reencontro…

Você não procura o que você acredita que tem, mas você procura quando aquilo que você achava que tinha lhe é tirado, roubado, mexido, bagunçado.

Eureca 2X!

Vamos reorganizar a vida, o plexo, o nexo e o sexo … Que seja fértil!

Siga-me nas Minhas Redes Sociais e Acompanhe Meu Conteúdo

Siga-me no Facebook
Siga-me no Linkedin
Siga-me no YouTube
Siga-me no Twitter
Siga-me no Instagram

Contribua com Nosso Blog

Se você quer contribuir na manutenção e divulgação do site, abaixo links (PAGSEGURO) para doação! Gratidão!!!!!

Orgulhe-se de Ti

Postado em Atualizado em

Não é raro conhecermos pessoas com habilidades fantásticas, mas que de alguma forma “não dão certo na vida”. São pessoas que não acreditam no próprio potencial e sempre necessitam de outras como muletas. Não arriscam, não se veem como vitoriosas e não enxergam nem mesmo suas maiores qualidades. Só percebem seus defeitos, suas fraquezas e hiper valorizam seus medos.

Eu sempre digo que sou linda, inteligente, phodda em todos os aspectos . Eu absolutamente acredito em mim e, quando alguém fala que o que me falta é humildade, sempre respondo que eu me orgulho de mim, de onde cheguei e como cheguei, sou apaixonada por esse ser mega fodástico que sou. Se eu não acreditar em mim, quem irá? Se eu não me amar, quem o fará?

No meu círculo de amizades íntimas tenho pessoas que gostaria muito que se permitissem mudar a chave. Entender que nós somos o único agente de mudança capaz de nos impulsionar para frente, nos transformar em pessoas melhores e mais poderosas. Mas isso exige a permissão do eu interior e esse normalmente está ávido a nos boicotar.

Eu brinco que me tornei mestre em lutar com uma Hydra. Hydra é um ser da mitologia que tem 7 cabeças e cada vez que uma das suas cabeças é cortada, nascem 2 no lugar. Pozé! Sou PHD em guerrear com Hydras. Mas, sabe… Eu sempre venço! Porque eu acredito fielmente que eu sou força e poder e que nada é maior que minha fé! Eu sou phodda!

Eu tenho orgulho da minha história, de todos os aperreios que passei, de todos os desafios que superei, de todas as lágrimas que verti, de todas as pessoas que me decepcionaram ao longo da minha existência. Isso não me fez confiar menos. Nem em mim e nem nas pessoas. Cada vez reforço mais o conceito que cada um dá o que tem. Não é porque fulano me fudeu com atos, palavras ou sentimentos, que eu vou deixar de confiar nas pessoas, que eu vou deixar de dar-lhes amor e o melhor de mim.

Eu sou aquilo que reflito, eu reflito aquilo que sou!

O que vc tem refletido?

Escrevo no meu blog há uns 4 anos e já recebi alguns feedbacks negativos, apesar dos milhares reports positivos. O comentário negativo é uma oportunidade de aprendermos um pouco mais sobre o próximo e passarmos ensinamento através da reforço positivo da nossa intenção de sermos luz.

A indelicadeza de alguém não deve ser espelhada por nós. Devemos devolver coisas ruins com amor. Só assim seremos capazes de contribuir para um mundo melhor. Quebrando o padrão de negatividade, transmutamos os vetores de sombra que vem em nossa direção.

O ser humano tem a tendência de espelhamento, ou seja, de devolver na mesma moeda o que recebemos. Esse ciclo vicioso só traz dor.

Se numa discursão abaixamos o tom de voz e nos acalmamos, a energia se acalma e a brings tende a findar-se. Se, ao contrário, entramos na mesma vibração de gritos e xingamentos, o ciclone energético se tornará cada vez mais incontrolável.

Seja luz! Transmita luz! Reflita luz e converta sombra em luz!

Orgulhe-se de ser uma partícula do universo, saiba que podemos iluminar a nossa volta e transformar o ciclo vicioso em virtuoso!

Vc pode mais!

Querer, poder e conseguir é a fórmula secreta do sucesso!

Orgulhar-se de vc, de sua história e dos caminhos percorridos, faz de você um ser inspirador e de luz!

Orgulhe-se de ti!

 

Siga-me nas Minhas Redes Sociais e Acompanhe Meu Conteúdo

Siga-me no Facebook
Siga-me no Linkedin
Siga-me no YouTube
Siga-me no Twitter
Siga-me no Instagram

Contribua com Nosso Blog

Se você quer contribuir na manutenção e divulgação do site, abaixo links (PAGSEGURO) para doação! Gratidão!!!!!