depressão na separação

Procura-se um amor

Postado em Atualizado em

É bem antagônico. Não acredito mais no amor. Bem que eu queria estar errada, mas depois de 2 casamentos e mais 2 desilusões amorosas na minha vida adulta, estou meio desacreditada mesmo.

Se há uma coisa de positivo nisso, é que depois de algum tempo, finalmente posso dizer que tenho certeza do que procuro.

Tenho tanta certeza do que procuro, que sei onde não vou encontrar.

Talvez não seja nem real, talvez exista só no meu imaginário. Mas ok, eu já sei o que é e como é o que eu quero.

Cansei de me frustrar com aplicativos. Eles têm muitos caras errados e talvez alguns caras certos em momentos errados, mas não o certo para mim.

Eu tô até chateada, acabei machucando recentemente uma pessoa super legal, mas que eu não consegui me conectar porque ele não tinha tudo que eu precisava.  Uma pessoa certa, mas incompleta para as minhas necessidades, portanto, não era o cara certo para mim.  Assim tem sido, esse talvez eu tenha tentado por mais tempo que desse certo, em vão. Não adianta querer abrir papaiz com chave simples.  Meu coração tá com fechadura dupla mesmo… Ou foi tirar férias no Alasca e não voltou mais.

Para quem acompanha minha saga com aplicativos de namoro, estou com aplicativo desligado há pelo menos 2 meses, mas já tenho história para pelo menos mais 2 textos.  Mas calma!!!!! Se minha vida ficar entediada novamente, eu religo o aplicativo só para ter mais histórias para contar…  Em breve vou parar para escrever a parte 4 do Minha Experiência com Apps de Namoro.

Definitivamente, Eu quero um amor que some! Que construa! Que progrida! Que multiplique! Que me tire da órbita!  Da minha zona de conforto!  Me traga novidades!  Me reinvente e me transforme! Me desafie a ir mais longe e me instigue a querer mais!

Brinco que sou deveras fêmea alfa, preciso de um macho alfa para dividir a dominância da minha alcateia. É bem isso.

Realmente não dá para ser qualquer um. Não dá para eu abrir mão de certos “padrões” idealizados como necessários para o Love of my Life. Simplesmente não vai dar certo!

Eu já estou ok se esse alguém não existir de verdade, cheguei à conclusão que eu não preciso de uma alma gêmea, de alguém que seja a minha metade. Eu preciso de um complemento, já sou inteira. Eu bem que poderia ser o dobro, mas sou feliz comigo e me amo o suficiente para viver de boa comigo. Sim, eu aprendi!

Ficar sozinha não é mais nenhum martírio para mim. Tenho o que preciso nos meus amigos que estão sempre perto e quando a carência aperta, a gente sempre tira da cartola um contatinho para uns carinhos especiais… Até isso eu evoluí.

Não vou mentir porém, que sinto muita saudade de estar apaixonada! Daquela sensação gostosa que entorpece a alma e nos faz ficar vendo estrelinhas e sentindo borboletinhas no estômago.  🥰

Por isso que ainda não desisti de procurar um amor. Mas que venha para sempre, não tenho mais idade para ficar me decepcionando não.  Chega!

Dia desses eu fiz o teste das 5 linguagens do amor. Super recomendo. Entendi muito porque os meus relacionamentos passados não deram certo e o que eu poderia ter feito para talvez reverter a situação. Percebi que muitas vezes, não estava nas minhas mãos.  (Pretendo começar a ler o livro ainda esse mês, já até baixei o PDF para o celular).

AS 5 LINGUAGENS DO AMOR: 1)Palavras de afirmação. 2)Qualidade de tempo. 3)Presentes. 4)Atos de serviço. 5)Toque físico.

No dia que fiz esse teste, chorei muito.  De verdade.  Foi como se a verdade fosse escancarada na minha frente e me sacudisse a alma.  Tudo fez muito sentido.  Inclusive as decepções, minhas escolhas erradas e minhas frustrações amorosas.

Ao mesmo tempo que tudo fez sentido, minha sensação de ter realmente perdido o timing do amor não passou. Pelo contrário, vi que teve um momento que a linguagem maquiou meus sentimentos e me levou a uma escolha muito errada.

Quero estar errada e ser provada que ainda existe o amor.  Sempre digo que aprendi e até gosto de estar solteira, mas prefiro muito mais estar casada, principalmente se pudesse ter o presente e a dádiva de acordar todos os dias do lado do amor da minha vida.  Deve ser insanamente louco.

Xente, sou pisciana!!!!  Como pode uma pisciana não estar apaixonada e não conseguir se apaixonar mais!!!!!!!!??????  E não é por falta de tentativas!

Universo, dê uma mãozinha…  Realmente aquela sensação de ter alguém que cuida de ti e para quem vc também se dedica me deixa bem…

 
*******************************************************************************************************************

Se você quer contribuir na manutenção e divulgação do site, abaixo links (PAGSEGURO) para doação! Gratidão!!!!!

Para doar R$ 5,00

Para doar R$ 10,00

Para doar R$ 25,00

Para doar R$ 50,00

Para Doar R$ 100,00

Anúncios

Desconstruindo o Amor em 10 passos

Postado em Atualizado em

Recentemente uma amiga muito querida foi pega de surpresa com o pedido de separação de seu companheiro.  As razões menos óbvias possíveis, o inesperado pedido de desconexão abruptamente teve que assumir a rotina.

O relacionamento foi acontecendo… tímido e constante.  Há cerca de 1 ano e meio atrás.  Subitamente, através de uma gravidez não planejada, o amor floresceu…

Foi intenso, como a vida tem que ser.

Então, num certo dia a conversa é: “Acho melhor a gente dar um  tempo para o nosso bem.”

Bem de quem, meu amor???? Decisão unilateral não significa querer o bem da outra pessoa.  Isso em gestão tem outro nome, autoritarismo!  Cada  um seguir seu caminho…  Até parece que o amor é uma tomadinha que a gente desliga né…

Ok…  Isso é ruim…  Mas tem coisa pior:  Quando a criatura excede todos os limites dando esse recado através de um Cosplay imaginário de Mestre dos Magos…  Simplesmente Some!!!!!!  Sabe aquela parada adolescente de querer deixar cair no esquecimento para não precisar assumir suas decisões… POZÉ!!!!

E todas as mensagens, juras, promessas????  Onde foi parar o amor????  Nada acaba de repente. Ou tudo foi mentira?

Relaxa, amore!  Homens só chegam ao amadurecimento pleno aos 50 anos.  Muitas vezes, são felizes nas suas infelicidades e preferem suas “Miserables Lives” do que arriscar a mudança, mergulhar no amor.

Mas, e aí?  Como fica o lado que não decidiu…. Na impossibilidade de desligar a tomada do amor e obviamente na necessidade de não abrir mão do amor mais verdadeiro, o amor próprio, faz como para aceitar e arrancar esse sentimento do peito?

Ah… Quem nunca sofreu por amor que atire a primeira pedra, melhor seria atirar uma flor…

O amor precisa ser desconstruído…  Na marra, na tora, na força e no fórceps.  But how?

  1. Antes de qualquer coisa.  Arrependa-se por ter feito, arrepender-se por não ter tentando traz uma culpa enorme.  O orgulho é que afasta as pessoas, não é a distancia.  Então, antes de iniciar a desconstrução, que já adianto, será dolorosa, exponha-se uma última vez.  Sim!  Não é vergonha nenhuma dizer o que ainda sente.  Foda-se a reciprocidade. Diga o que sente de verdade.  Sem rodeios, sem floreios e sem desespero.  Sede firme e entenda que há uma tênue linha de limite entre a exposição necessária e a humilhação.  Portanto, não perca o equilíbrio para não ir para o lado errado.
  2. Obviamente se o passo anterior não tiver surtido efeito, você estará seguindo adiante…  O segundo passo é dar um tempo para si.  Recicle-se.  Enlute-se.  É importante esse luto para o auto-conhecimento.  Sofra, chore, grite, veja filmes de drama e escute músicas de sofrência. Só não encha a cara…  Isso realmente não resolve.  Só te fará se tornar a vitima da situação.  Assuma-se como protagonista da sua vida.  Protagonistas vitimizadas não dão IBOPE.  Protagonistas não se permitem o papel de coadjuvante em sua própria existência. Sofrer faz parte! Mas, faça isso somente por até 4 semanas.  Por que 4 semanas?  Simples, a TPM.  Você irá perceber que sofrer por amor é opção, por menstruação não.  Muito melhor quando quem tem as rédeas é você, não?
  3. Distraia sua cabeça.  Saia, passeie, faça turismo, viaje, vá dançar, faça uma academia.  Libere endorfina.
  4. Mude…  A mudança interior é complicada pacas.  Tome um atalho e comece pelo exterior mesmo.  O amor próprio tem que ser cultivado.  Pessoas felizes são mais amadas. Exalam energias positivas e atraem atenção… e mais amor.  Positivize-se!
  5. Se houver oportunidade, ame muito.  Experimente-se. A vida não acaba com o fim de um amor.  Pode ser a força do destino liberando seu caminho para um amor ainda maior. Vale até perfil no Tinder, ParPerfeito, Match e etc…  Conheça gente!
  6. Se ainda houver necessidade de contatos com o ex-amor, veja se essa relação é saudável para você.  Se for para ficar sofrendo a cada vez que o vir, é melhor se afastar de vez.  Apague os vestígios deste amor.  Não leia mensagens antigas.  Não se encontre, não o veja…  Se necessário, bloqueie nas redes sociais.  Não ver faz cair no esquecimento.  Ok que às vezes não cai tão rápido assim.  Mas, garanto.  Na vida tudo passa.
  7. Veja filmes alegres, leia, faça atividades ao ar livre, ande de bicicleta, de barco e de avião.
  8. Ocupe sua mente com algo importante.  Comece um curso, um novo hobby, um livro, uma meditação.  Ou até mesmo enfie a cabeça no trabalho…  Só tente não pensar.
  9. Nada tá funcionando!? Tá na hora de atitudes desesperadas no estilo adolescente.  Faça uma lista de defeitos do dito cujo.  Repita-se milhões de vezes como um mantra: ELE NÃO ME MERECE. Repita até que seu cérebro incorpore e torne esse pensamento num axioma.  Numa atitude mais desesperada ainda, resignifique seu ex-amor.  Odeie com toda a força todos os seus defeitos, faça com que só eles apareçam.  É escroto isso!  Temos que odiar para matar um amor!  Mas, estamos falando de resguardar o mais puro dos amores: o amor próprio.  Então estaremos perdoados.
  10. Reinvente-se…  Faça um reset de si.  Desconstrua e se reconstrua muito melhor.  Sofrimento é que faz a gente endurecer a carne e nos preparar para as porradas da vida. Pode até demorar, mas um dia vai passar…  A borboleta sofre no casulo para se transmutar numa beleza estonteante e VOAR!  Faça a sua metamorfose, liberte-se!

 

 

*******************************************************************************************************************

Se você quer contribuir na manutenção e divulgação do site, abaixo links (PAGSEGURO) para doação! Gratidão!!!!!

Para doar R$ 5,00

Para doar R$ 10,00

Para doar R$ 25,00

Para doar R$ 50,00

Para Doar R$ 100,00